Estamos meu bem por um triz. Pro dia nascer feliz...

Canção, uma das amostras da força poética de Cazuza, tornou-se um dos hinos da redemocratização do país

Canção, uma das amostras da força poética de Cazuza, tornou-se um dos hinos da redemocratização do país

19.09.2018
333 VISITAS
Da Wikipedia: "Pro Dia Nascer Feliz é uma faixa que faz parte do segundo álbum, Barão Vermelho 2 de 1983, da banda de rock brasileiro Barão Vermelho. Após Ney Matogrosso gravá-la com sucesso, Pro Dia Nascer Feliz se tornou o primeiro hit da banda e um de seus maiores sucessos. Com seu sucesso consolidado durante a apresentação da banda no Rock In Rio de 1985, a canção, uma das amostras da força poética de Cazuza, tornou-se um dos hinos da redemocratização do país, com uma temática voltada à liberdade juvenil, naqueles anos finais da ditadura militar".


Mas o apogeu da música se deu no primeiro Rock in Rio, no ano de 1985. O Brasil passava pela redemocratização, Tancredo Neves acabara de ser eleito e 2 centenas de milhares de jovens cantavam juntos com o Barão Vermelho, na Cidade do Rock: "Todo dia a insônia me convence que o céu. Faz tudo ficar infinito. E que a solidão é pretensão de quem fica. Escondido fazendo fita. Todo dia tem a hora da sessão coruja. Só entende quem namora. Agora "vão bora" Estamos meu bem por um triz. Pro dia nascer feliz. O mundo acordar e a gente dormir, dormir...". E pra finalizar Cazuza levou a galera a loucura, ao mandar o seu recado de cima do palco: "Que o dia nasça feliz para todo mundo amanhã. Em um Brasil novo..."

FOTO: Divulgação

DESTAQUES QUE PODEM INTERESSAR...

Mulheres são a maioria entre jogadores de vídeo game
Mulheres são a maioria entre jogadores de vídeo game  
Obra reúne a "arte" cotidiana do Brasil desde o século XVI até o século XIX
Obra reúne a   
A luta pela valorização da tira em quadrinhos como arte
A luta pela valorização da tira em quadrinhos como arte