Museu do Futebol em São Paulo tem acessibilidade premiada

Museu busca o constante aprimoramento e adaptação de sua expografia, conteúdos e linguagens

Museu busca o constante aprimoramento e adaptação de sua expografia, conteúdos e linguagens

18.09.2018
187 VISITAS
Para o Museu do Futebol, ser acessível é propiciar que o maior número de pessoas, independente de suas condições físicas, sociais e intelectuais possam viver suas experiências no Museu do Futebol.

Para isso, conta com recursos físicos, comunicacionais e profissionais qualificados para atender aos mais diferentes públicos: brasileiros e estrangeiros, de diversas classes sociais, pessoas com deficiência física, intelectual e mobilidade reduzida, crianças, jovens, adultos e idosos.
Foi o primeiro museu da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, e também da Fundação Roberto Marinho, planejado para ser totalmente acessível. O Museu busca o constante aprimoramento e adaptação de sua expografia, conteúdos, linguagens e, principalmente, o atendimento humano e atento às diferenças.
PRÊMIOS RECEBIDOS
2009 - Certificado 5 estrelas em Acessibilidade, pela Secretaria Municipal de Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de São Paulo 2012 - Prêmio Darcy Ribeiro conferido pelo IBRAM, pelo projeto educativo Deficiente Residente 2013 –3º lugar no Prêmio Iberoamericano de Educação em Museus, pelo Projeto Educativo Deficiente Residente.

DESTAQUES QUE PODEM INTERESSAR...

Era de ouro dos quadrinhos: Um banho de criatividade
Era de ouro dos quadrinhos: Um banho de criatividade  
Uma perversa, sofisticada e sensual versão do clássico Drácula
Uma perversa, sofisticada e sensual versão do clássico Drácula  
O filme que virou quadrinhos que virou filme: Reptisaurus!
O filme que virou quadrinhos que virou filme: Reptisaurus!